ENEM? Está de brincadeira né?

Maldito seja o infeliz que amaldiçoou nossas vidas com esse maldito exame.
Estou aqui para dar uma aliviada na raiva a qual me encontro; simplesmente soube da notícia de que o ENEM 2010 pode ser cancelado.

"O problema na impressão do cartão de resposta do Enem pode levar à anulação da prova, de acordo com a procuradora Maria Luíza Grabner, do Ministério Público Federal em São Paulo. Ela recomenda que estudantes que se sentirem prejudicados pelas falhas procurem o órgão para fazerem uma representação.
De acordo com a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de São Paulo (OAB-SP), o erro de impressão gráfica é motivo suficiente para anulação do exame. "Qualquer problema que induza o aluno ao erro é motivo para anulação da prova. Isso não pode acontecer, é um absurdo, é estarrecedor", afirma o advogado Edson Bortolai.
(...)Bortolai afirma ainda que os alunos que tiveram despesas com viagens para a realização do exame podem pedir indenização caso ela de fato seja anulada. "Podem procurar o Procon, o Ministério Público ou entrar com uma ação individual", diz."
retirado do site da YAHOO
Resumindo, meus caros amigos que também fizeram a prova; se cancelado, vocês poderão pedir reembolso por este grave erro.
Agora, como isso pode acontecer? Ainda mais após o que ocorreu ano passado?
Simplesmente, é motivo para frustração, raiva e desgosto; analisem a situação, de Segunda a Sexta indo à escola, estudando, realizando compromissos escolares e assuntos do gênero, no sagrado fim de semana, temos de cancelar todos os planos e até mesmo o descanso para disponibilizarmos tempo para o exame.
O horário acaba se tornando ingrato em um ponto e positivo em outro. Ao começar o exame às 13 horas, o dia inteiro é perdido; entretanto, pessoas que possuem local de prova mais distante de casa e deve se disponibilizar de transporte público, o horário é ótimo, pois evita que tenham d sair muito cedo de casa.
Algo que digo e continuo a dizer desde o começo do ano de 2010 é que, ENEM se tornou um exame extremamente fajuto e "fútil"; logo que ele se torna algo que (indiretamente) obrigatório a ser feito pelos jovens que concluem o ensino médio, há o vazamento dos gabaritos e o caos se instalou; pessoas querendo remuneração, outras cancelando a prova, outras mais se desesperando por não saberem quando seria a próxima realização do exame.
Com esta falha (gravíssima), muitas universidades deixaram de se utilizar do ENEM como teste para ingressar de alunos em seus campus, muitas das grande e renomadas pularam fora, e nada mais justo, você confiaria em algo que o sigilo conseguiu ser quebrado?
Após isso, contamos com o fato de que nós, de escola particular devemos pagar uma taxa no valor de R$35,00; agora me responda para quê...
Não sabe? Pois bem, pagamos esta taxa, pois os alunos de escolas da rede pública de ensino são isentos de taxa; ou seja, não pagam nada, nós somos quem pagamos para eles.
O pior de tudo é ouvir respostas como "Está correto, quem estuda em escola particular deve pagar mesmo; coitados dos de escola pública, muitos mal tem o que comer". Agora o meu lado FDP toma conta e faz a bela pergunta "E daí?".
Podem me chamar de insensível, mão-de-vaca, pão-duro e o diabo a quatro, não me importo com isso. Não dizem que nossa sociedade prevê direitos iguais à todos os cidadãos? Então, por que eu devo pagar para aquele aluno? Não tenho motivo e nem sou obrigado a pagar por ele.
Pensem, se nós pagamos R$35,00 e eles não, sinal que não é tanto por questão financeira; por que, então, não dividir uma taxa ou equilibrar e igualar entre todos? Todos os candidatos deverão pagar R$15,00; R$20,00; seja o preço que for, discordo totalmente em pagar para outros.
Agora vem o momento em que dizem que devo visar o próximo e não somente a mim mesmo; penso muito no próximo e tento ajudar também, mas como dizem, "Devemos arranjar um momento de luxo e lazer para nós mesmos e esquecermos o próximo por alguns instantes", nunca foram ditas palavras mais sábias.
Ainda não concorda comigo? Então, por que ainda pagamos imposto?
Continuando, em 2009 o gabarito vazou e a prova foi cancelada; então, este ano eles se acham ditadores (ou como diz meu professor "se acham os donos todo poderosos do Olimpo") e fazem regras absurdas como proibir a entrada no local da prova com um simples lápis e borracha. O que é isso? Até parece que jamais erramos uma conta de matemática, física ou química; duvido que eles tenham esta capacidade de resolver tudo sem um único erro; o pior de tudo é que nem o espaço eles lhe dão para as contas, você deve literalmente "se virar" com uma conta de grau de dificuldade muito alto com uns 3x2cm de espaço em branco; e se você errar a conta? Coitado, está a caneta, não tem como apagar; agora chuta uma alternativa!
Depois de perdermos nosso fim de semana, damos de cara com a notícia de um possível cancelamento do exame deste ano.
Minha opinião, o Exame Nacional do Ensino Médio se tornou uma furada das grandes, nem mesmo o governo de FHC cometeu tantos erros quanto este que muitos chamam de "promissor".
Tenham uma boa noite.
Escrito por Felipe M.

1 Response to "ENEM? Está de brincadeira né?"

  1. Wally elsissy says:
    7 de novembro de 2010 23:52

    Quanta falta de responsabilidade por parte de quem organizou o ENEM!!!
    E quanta falta de consideração...

Related Posts with Thumbnails